ABQM - Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha

Portal ABQM - Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha

Inscrições com taxas especiais para a Vaquejada ABQM vão até o dia 17

Para aqueles que querem participar do 10º Potro do Futuro e Campeonato Nacional ABQM de Vaquejada, no Parque Maria Mineiro, no município de São Gonçalo dos Campos e Feira de Santana, na Bahia, poderão fazer suas inscrições até o dia 17 de agosto, com valores especiais. Para o Potro do Futuro, até esta data, os valores são os seguintes: R$ 800,00 (Classe Aberta) e R$ 500,00 (Classe Amador). Após o dia 17: R$ 850,00 (Classe Aberta) e R$ 550,00 (Classe Amador). Já para o Campeonato Nacional, até referida data, serão: R$ 1.000,00 (Classe Aberta); R$ 650,00 (Classe Amador); R$ 200,00 (Classe Jovem); e R$ 100,00 (Classe Feminino). Após este dia: R$ 1.050,00 (Classe Aberta); R$ 700,00 (Classe Amador); R$ 250,00 (Classe Jovem); e R$ 150,00 (Classe Feminino).
Para obter outras informações, ligue na ABQM no tel.: (11) 3864.0800 e fala com o Departamento de Esportes.

inscricoes

Leia mais: Inscrições com taxas especiais para a Vaquejada ABQM vão até o dia 17

 

Premiação da Vaquejada ABQM será de R$ 200 mil

O Parque Maria Mineiro, localizado na Rodovia São Gonçalo dos Campos a Feira de Santana, na Bahia, está se preparando para sediar o 10º Potro do Futuro e Campeonato Nacional ABQM de Vaquejada, que ocorrerão no período de 23 a 26 de agosto.
Além de entrarem para a história da ABQM, os conjuntos inscritos estarão disputando a expressiva premiação de R$ 200 mil, superando em R$ 15 mil ao do evento anterior. “Estamos nos estruturando para receber representantes de várias regiões do País e com grande expectativa de realizarmos um dos maiores eventos oficiais do Estado da Bahia”, disse o presidente do núcleo baiano Marcelo Sarmento, que emendou: “Além do suporte de toda a equipe da ABQM, comandada pelo presidente Paulo Farha, e a coordenação do Comitê Nacional de Vaquejada, a diretoria de nosso Núcleo e outros criadores do Estado não estão medindo esforços para que o evento seja um sucesso”.
As premiações serão distribuídas da seguinte forma: R$ 65 mil ao Potro do Futuro e R$ 135 mil ao Campeonato Nacional. Em relação ao Potro do Futuro ficou assim - Classe Aberta: R$ 43 mil (1º lugar R$ 7 mil, 2º lugar R$ 5 mil, 3º lugar R$ 4 mil e do 4º ao 10º ou até 15º lugares R$ 27 mil); e Classe Amador: R$ 22 mil (1º lugar R$ 4 mil, 2º lugar R$ 3 mil, 3º lugar R$ 2 mil e do 4º ao 10º ou até 15º lugares R$ 13 mil). Já o Campeonato Nacional, na Classe Aberta, pagará: R$ 87 mil (1º lugar R$ 15 mil, 2º lugar R$ 9 mil, 3º lugar R$ 8 mil, e do 4º ao 10º ou até 15º lugares R$ 55 mil); a Classe Amador totaliza R$ 43 mil (1º lugar R$ 7 mil, 2º lugar R$ 5 mil, 3º lugar R$ 4 mil e do 4º ao 10º ou até 15º lugares R$ 27 mil); a Classe Jovem: R$ 4 mil (1º lugar R$ 1,7 mil, 2º lugar R$ 1,3 mil e 3º lugar R$ 1 mil; e a Classe Feminino: R$ 1 mil (1º lugar R$ 500,00, 2º lugar R$ 300,00 e 3º Lugar R$ 200,00).

pqmariamineiro

Leia mais: Premiação da Vaquejada ABQM será de R$ 200 mil

 

Mudanças no regulamento do Stud Book

De acordo com o Stud Book, três artigos sofreram alterações em seu Regulamento a partir de 11 de julho de 2012 (11ª Edição).
Veja o que mudou:
No Artigo 19º - Das Transferências de Embriões - Parágrafo Único –  as receptoras comuns poderão ser utilizadas até 2020. Lembrete: O criador deverá informar o nome da doadora e a sequência de registro dos embriões, por intermédio do formulário “Notificação de Doadora” que está no site em “Impressos ABQM” e pagar a taxa vitalícia para inscrição da doadora para o programa de TE. Se esta taxa já foi paga, não precisa pagá-la novamente.
No Artigo 42º - Dos Animais não Registráveis - Parágrafo 1º - poderão ser registrados os produtos nascidos de gestação irregular (inferior a 310 dias ou superior a 365 dias), com laudo do médico veterinário e exame de DNA.
No  Artigo 43º - Defeitos Genéticos e Características Indesejáveis - Letra (c) Marcas Brancas – O animal poderá ser registrado desde que seu pai e sua mãe sejam Quarto de Milha registrados e o parentesco seja confirmado através de exame de DNA.
Será excluído do Certificado de Registro do Animal o texto “com restrições às manchas brancas”.

fotoregulamentostudbook

   

Legislação sobre o Mormo

O Stud Book da ABQM alerta aos proprietários que fazem deslocamentos de equídeos, com trânsito nos estados de Minas Gerais e Rio de Janeiro, que estes locais estão sob suspeição e que os mesmos ficam condicionados à apresentação de exame negativo para Mormo e atestado sanitário de ausência de sinais clínicos da doença para a emissão da Guia de Trânsito de Animais (GTA).

transporte_animais

 

Todynho: “Um surpreendente cavalo de esteira”

Quando a assunto é Vaquejada, geralmente os “atores principais” são os conjuntos de puxar. Embora esse fato tenha ocorrido no dia 25 de fevereiro, só agora tivemos conhecimento. Durante a Vaquejada do Parque Vaqueiro de Ouro em Altinho (PE), um cavalo “coadjuvante no papel de esteira” roubou a cena e arrancou calorosos aplausos da plateia. O feito espetacular foi protagonizado pelo tordilho de 10 anos Mister Check, popularmente conhecido como “Todynho”, filho de Signed To Shiney - o lendário garanhão “Cego da Bahia”.
No transcorrer da prova, os cavalos Sandy Doc Dee Jr (Jamel Steel x Line Rojo Jr, por Thunder Chief), o “Crominho”, montado por Raife Medeiros e Todynho, na sela de André Tratador, deram a arrancada. Na partida o vaqueiro esteireiro foi ao solo e Todynho, acostumado com seu trabalho, seguiu sozinho trancando o boi até a faixa, fazendo todos os procedimentos, conferindo o barbatão e só saiu da faixa quando o juiz anunciou: Valeu boi! O fotógrafo das provas oficiais da ABQM, Aluiso Alves, além de registrar com exclusividade estas cenas, disse que foi unânime a reação do povo em expressar: “Nunca, em toda minha vida de vaquejada, vi uma coisa desta”.
Todynho é de propriedade de Otacílio Júnior (Grupo Arroz Rampinelli – Malta Cleyton), de Caruaru (PE), e da criação de Clovis Camelyer. “Ele começou correndo como animal de puxar de direita, depois o colocamos para esteirar e deu certo. O cavalo é dócil, inteligente, veloz, disposto e cheio de virtudes”, revelou Otacílio. Já André Tratador garante que o cavalo já fez essa mesma façanha anteriormente, numa vaquejada em Caruaru. “Ele é muito bom de rédeas e determinado. A gente tem um entrosamento muito grande e treinamos constantemente. Esse cavalo é orgulho de todos nós”.

foto_8

Leia mais: Todynho: “Um surpreendente cavalo de esteira”

   

Página 32 de 39

Banner
Banner
Banner
Banner

Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha | Todos os direitos reservados | Anuncie no Portal ABQM | Desenvolvido por Ailes Multiagência